Por que guardar sangue do papa?

Igreja divulga foto de relíquia furtada 
com sangue de João Paulo II na Itália


Idolatria institucionalizada

"Uma ampola que continha o sangue do Papa João Paulo II e era mantida na igreja de San Pietro della Ienca, em L'Aquila, na região italiana de Abruzzi, foi roubada junto com um crucifixo durante a noite de domingo (26), informaram fontes policiais nesta segunda-feira (27).
Cerca de 50 policiais estão participando da operação em busca do relicário e controlam toda a região do pequeno santuário. 
Por mais que a Igreja católica fale que não é idolatria, os fatos mostram o contrário. O cristianismo primitivo, aquele que está nos manuscritos apostólicos, não apóia esse tipo de coisa, pelo contrário: 

"É necessário que ele cresça e que eu diminua" João 3:30

Não existe, por exemplo, nenhuma veneração dos apóstolos em relação a João Batista, esse comportamento é fruto de deturpação de tradições humanas, porém os documentos estão aí preservados e podemos a qualquer momento constatar se algo procede ou não.

Todos que se arrependem e cumprem os mandamentos confirmados por Jesus são santos, ou seja, são separados, essa diferenciação que a Igreja Católica, Ortodoxa, entre outras fazem, destacando ícones, como guarda de objetos pessoais, e pasme, até sangue! Não existe no Novo Testamento.

Mas, como é santo aquele que vos chamou, sede vós também santos em toda a vossa maneira de viver;
Porquanto está escrito: Sede santos, porque eu sou santo.
1 Pedro 1:15-16

Declarar um humano mais santo que outro é ensino de arrogância e prepotência, isso não é ensinado nos Evangelhos.

"Convém que eu diminua e Ele cresça"...O Exemplo e o alvo são sempre Cristo,só a santidade de Jesus deve ser exaltada, de mais ninguém.


E ainda mais essa....

Divulgação
^
O próprio Vaticano compartilhou imagem do "super-papa" de grafite em Roma 
(Promovendo a idolatria)


Os erros da Igreja Católica estão aí, como purgatório, batismo de bebes, livros apócrifos, apoio à especulações humanas, mentira de Fátima, etc. E o novo Papa não deu nenhum sinal que pretende mudar.

Reparem que o foco das ações da ICAR é sempre visando a vida aqui nesse mundo, como fome, violência, etc. Que são importantes, mas não é o foco do cristianismo, a mudança das ações humanas na terra, deve ser uma consequência natural da mudança de vida com o Evangelho, que já englobam a caridade e a boa relação entre os homens. 

Em sua maleta está escrito "valores"(cristãos?), mas a instituição se omite em falar da consequência da falta deles a nível espiritual e pós-morte, a mensagem passada a nível pós-morte é inversa a da Bíblia, do tipo: "relaxa, qualquer coisa tem a reza para os mortos, e o purgatório".

Ou seja, distorções que nada tem a ver com os ensinamentos de Cristo.




IMPRIMIR ARTIGO

Print Friendly and PDF